Como um resultado de um AVC, podem ocorrer alterações funcionais, dependendo da área do cérebro lesionado. Estas alterações podem influenciar significativamente a independência e estilo de vida do paciente. Muitas destas alterações podem ser tratadas, de modo a conseguir a recuperação completa ou parcial, dependendo da intensidade da lesão.

 

Movimentação

Paralisia ou fraqueza dos músculos de um lado do corpo, fraqueza muscular ou rigidez e coordenação ou dificuldades de equilíbrio, podem ser sequelas. Uma pessoa que tenha sofrido um AVC na parte esquerda do cérebro vai sofrer de fraqueza ou paralisia no lado direito do seu corpo. E uma pessoa que tenha tido um AVC no lado direito, vai sofrer de fraqueza ou paralisia no lado esquerdo do corpo. Estas mudanças podem afetar a posição, quando deitado, ou sentado de forma estável, caminhando, trocando a posição do corpo e a engolir (como resultado da fraqueza muscular e coordenação dos músculos da boca e da faringe reduzida).

  

Comunicação

Quando uma pessoa é ferida no lado esquerdo do cérebro, onde o centro de línguas está localizado (que se refletirá no lado direito do corpo), pode sentir a sua fala afectada e as competências linguísticas diminuídas (afasia). Afasia é um distúrbio de linguagem com prejuízo para a comunicação e compreensão auditiva. Neste caso, a habilidade intelectual pode ser mantida, mas o paciente perde (total ou parcialmente) a sua capacidade de usar a linguagem, expressar os seus desejos através da fala, compreender a linguagem falada, ler e escrever. A dificuldade pode ser sentida no expressar ideias supostamente simples, como a fome, no recordar os nomes de parentes próximos, etc. Às vezes, a dificuldade só envolve os movimentos da fala (disartria), o que leva à dificuldade em pronunciar os sons, tornando a fala da pessoa afectada, lenta e incerta.

  

Deglutição

A sequela na deglutição (disfagia) reflecte-se na dificuldade real em engolir, devido à função afetada dos órgãos de mastigação (lábios, língua, palato) ou na estimulação afetada do reflexo da deglutição. Estas dificuldades podem ser identificadas pela tosse ou pelo pigarro ao engolir. A incapacidade de diagnosticar e tratar estas limitações, podem levar a pneumonia causada pela inalação de comida para os pulmões (aspiração).

  

Sensação

Pode ocorrer a diminuição da sensibilidade em várias partes do corpo. Alguns doentes podem até sentir dor, dormência ou sensações estranhas. Estas podem resultar de várias razões, incluindo danos na área da sensação no cérebro, rigidez articular ou um membro deficiente. Outro tipo, menos comum de dor é chamado “síndrome de dor central”, causada por dano em uma área do cérebro conhecida como o tálamo. Neste caso, a dor é uma combinação de sensações, incluindo frio, calor, uma sensação de queimadura, formigueiro e entorpecimento. Ela concentra-se principalmente nos membros, e tende a agravar-se entre as estações. Às vezes, escaras podem-se desenvolver como resultado da posição imóvel prolongada, sentado ou deitado.

 

Percepção espacial

Quando uma pessoa foi atingida do lado direito do cérebro (ou seja, o lado esquerdo do corpo), pode acontecer um fenómeno conhecido como “negligência”. Como resultado do AVC, o paciente torna-se como que inconsciente de um lado do corpo, e assim, incapaz de identificar ou reagir a estímulos significativas num dos lados do seu campo de visão. Um paciente com negligência pode ter consciência da sua condição, e está sujeito a acidentes domésticos, ou mesmo acidentes de automóvel (se tiver carta da condução).

 

Pensamento

Um AVC pode levar à dificuldade na orientação no tempo e lugar, e no reconhecimento de pessoas (até o cônjuge/companheiro ou os filhos). Pode mesmo ter dificuldades de concentração, compreensão, raciocínio, memória, bom senso básico e planeamento de ações supostamente simples.

 

Comportamento

Passividade ou agressividade podem ser manifestadas, assim como um julgamento incorreto que pode levar a decisões inadequadas e contrárias a qualquer lógica aceitável ou passada.

Emoção

Podem surgir também dificuldades em controlar as emoções, ou a expressão de emoções inadequadas. Os problemas mais comuns após um AVC são a depressão e a ansiedade. A depressão pode ocorrer como uma reacção às alterações causadas pelo Acidente Vascular Cerebral, e/ou devido à localização da lesão no cérebro.

Que alterações podem ocorrer após um AVC?

Membro de:

Apoio científico: