Os grupos de ajuda mútua (GAMs)

A maioria das pessoas tem grande dificuldade de pedir ajuda. Às vezes, é preciso aprender a pedir ajuda e apoio.

 

A participação em um grupo (ou mesmo a criação de um!) pode proporcionar informações sobre a doença e formas de viver com sequelas de AVC, adquirida também através da experiência pessoal.

 

Obter apoio e conforto entre participantes com experiências similares, antes de mais na partilha de sentimentos e comportamentos, são frequentes!

15.jpg